6 de março de 2009

Run

Comecei a semana muito bem. Muito bem mesmo. Sem tristeza pelo fim das férias, sem tristeza pelo recomeço do trabalho... mas termino a semana mal. Muito mal. E nem sei dizer bem porquê. A verdade é que notei que o Universo andava apostado em me mandar abaixo. Pequenas coisas, pequenos acontecimentos, algumas palavras, pequenas coisas que, no conjunto da semana me fazem estar muito mal.
Desde a falta da minha tv, a algumas pessoas aqui no work que me andam a tentar melgar o juízo mais que o normal... desde o herpes (que me dói horrivelmente), a um totó que hoje estava apostado em me fazer chegar tarde ao trabalho apenas e só porque andava a 20 e quando dava para ultrapassar punha-se no meio da estrada e acelerava!!! Desde o sono em demasia, mesmo quando ontem adormeci sem querer em frente à tv não eram ainda 22h, à conversa do meu pai sobre o que faria com o dinheiro do euromilhões de hoje, relato ao pormenor durante mais de meia hora e parou porque lhe implorei que parasse... mal abri o outlook hoje de manhã tinha meia dúzia de mails da contabilidade a pedir um trabalho que ainda não fiz porque aqui o sr engenheiro director de obra ainda não me entregou os dados. Ainda ontem lhos pedi e ele riu-se...
Até o momento alto de ontem, o ter companhia ao almoço, se revelou uma valente treta. A companhia foi óptima, mas depois a cabra aqui do sítio fez birra porque se sentia excluída porque tínhamos ido almoçar sem ela.... Grrrrrr!!! E não, não a posso mandar passear porque ela vai chorar pro patrão e depois quem se lixa somos nós. Fim-de-semana onde estás? Alegria de 2ª feira para onde foste?
Estou cansada. E tenho pena que o Universo tenha conseguido botar-me abaixo. Estou triste, desmotivada, terrivelmente cansada...

Deixo-vos uma música da Amy Macdonald. Espero que gostem e que dê para desculpar a falta de humor e de tudo... Porque, apesar de tudo, persistimos. Para além da dor, para além de tudo, temos de persistir e nunca parar... e pelo menos andar quando já não conseguimos correr. Amy Macdonald, "Run".


Will you tell me when your lines are fading?
Cos I can’t see
I can’t see no more

Will you tell me when the song stops playing?
Cos I can’t hear
I can’t hear no more

She said “I don’t know what you’re living for”
She said “I don’t know what you’re living for at all”
He said “I don’t know what you’re living for”
He said “I don’t know what you’re living for at all”

But I will run until my feet no longer run no more
And I will kiss until my lips no longer feel no more
And I will laugh until my heart it aches
And I will love until my heart it breaks
And I will love until there’s nothing more to live for


Will you tell me when the fighting’s over?
Cos I can’t take
I can’t take no more

Will you tell me the day is done?
Cos I can’t run
I can’t run no more


She said “I don’t know what you did it for”
She said “I don’t know what you did it for at all”

But I will run until my feet no longer run no more
And I will kiss until my lips no longer feel no more
And I will laugh until my heart it aches
And I will love until my heart it breaks
And I will love until there’s nothing more to live for

And I will laugh until my heart it aches
And I will love until my heart it breaks
And I will love until there’s nothing more to live for

10 comentários:

Lita disse...

Esta sexta tambéme está a ser kind of weird para mim... vamos ver se o fim de semana nos alegra. Beijos!

Ianita disse...

:/ Beijos!

Verónica disse...

Os momentos maus estão sempre à espreita, fazem parte da vida, o importante é que passem e que no fim de contas só nos lembremos das coisas boas ;)

Melhor que tudo é lembrar-te que amanhã é sábado! Yes Weekend!!

Ianita disse...

Sim... pior é quando percebemos que antes de melhorarem as coisas ainda vão piorar...

Mas vá... dias melhores virão.

Kisses

Vera Angélico disse...

Entendo-te bem esse sentimento. Se entendo. Tantas vezes que me sinto assim. E se estou num bom momento, recordo sempre as palavras da Charlotte do "Sexo e a Cidade". Porque é que me sinto assim? Feliz todos os dias? O que é que me vai acontecer? Porque é que mereço estar assim, quando os outros não estão? E tenho medo...

Não sei se ajuda. Mas estou aqui. Se algum dia te apetecer um café, um chá, ou só uma conversa. Se te apetecer variar o ambiente...

Não tenho jeito para a conversa do género, "vai passar". Claro que vai passar, mas só depende de ti. Depende da tua energia. Da tua vontade. Da tua sensibilidade. Da tua inteligência. De tudo teu.

Como também digo tantas vezes, não podemos evitar que as pessoas de quem gostamos caiam, mas podemos estar para as ajudar a levantar.

;)

Ianita disse...

Precisamente...

Não consigo falar muito mais porque entretanto perdi a calma acho que pela primeira vez desde que aqui estou. Detesto que brinquem comigo e hoje disse o que estava entalado... fiz mal, mas fiz...

Agora... sair daqui para almoçar e ver se me acalmo...

Obrigada! E idem aspas aspas ;)

Isandes disse...

Arrebita e fica bem! Beijão

Manitas Del Plata disse...

Vá vais ver que este fim de semana vai ser bom! ;) :)**

IandU disse...

Pensava que o tempo das queixinhas passava com a idade!

Ianita disse...

Iandu: para os mimados não passa! Nem acredito que a treta do dia acabou... !!!!!!
:)

Bom fim-de-semana!

Kiss