6 de setembro de 2010

Aveiro tour 2010

No ano passado vieram cá. "Obrigaram-me" a investigar e a testar os melhores roteiros pela zona. Ficaram a faltar muitas coisas, entre elas a imperdoável visita ao castelo de Leiria. Ficou também prometida a visita a Aveiro... foi este fim-de-semana.

Festa na aldeia que me manteve acordada parte da noite. Acordar às seis da manhã. Cunhadinho que me foi levar à Estação. Comboio. Mudança no meio do nada. Levar com um casal daqueles que me falou da vida deles toda, inclusivamente dos medicamentos vaginais da senhora. Comboio para Coimbra. Esperar pelo inter-cidades. Aveiro. Esperar as meninas e dar começo à ramboia :)

Deram-se a muito trabalho para me impressionarem, para me fazerem apaixonar pela terra delas. Receberam-me de braços abertos. Conduziram-me pelos pontos turísticos. Rimos. Falámos.

Estão a ver aquelas pessoas com quem se tem empatia imediata? Pois já foi assim no ano passado e este ano não foi excepção. Senti-me sempre muito bem. Como se fizesse parte. À tarde juntou-se o Miro à festa e foi um prazer conhecê-lo :D e eu sei que ele também gostou de me conhecer, dado que me ofereceu metade de uma bolacha :D eheheh!

À noite a festa de São Paio na Torreira. O acontecimento do ano depois do Carnaval. Elas tinham-me dito que era em grande, mas era mesmo mesmo em grande. Broa de Mel eram a cabeça de cartaz.

Foi o ponto alto da noite... não pela festa, mas pelo jantar. Um pic-nic em cima da relva. O problema é que havia tantos carros, tanta gente, tantas tendas em tudo quanto era canto, que acabámos a fazer o pic-nic num parque de estacionamento. Porque eu gosto de passear. Gosto de conhecer novos lugares, mas o mais importante são as pessoas. E aquelas horas em cima daquelas toalhas valeram por todo o fim-de-semana, tornando o que já era muito bom em espectacular, maravilhoso :)

Para terminar a noite em beleza... ver fogo de artifício deitada na areia. Como se o fogo fosse só para mim. Como se aqueles milhares de pessoas não estivessem ali. Foi lindo lindo lindo!

Cheguei ao hotel às duas e muito. Ainda a tempo de perceber que não tinha luz e que o quarto só tinha duas tomadas. Nada que uma ianita de pijama não resolva indo à recepção :)

Domingo de acordar cedo. De conhecer a Santa Joana, padroeira da cidade. Da Fábrica da ciência e jogar ping-pong com a mente. Almoço alheira. Café no bar-autocarro. Parque da cidade. Moliceiros. Comprar souvenirs. E a loucura do dia...

Eis que aquelas malucas tinham programado um passeio de Buga!!! Eu não andava de bicicleta há 15 anos!!! Ia atropelando umas quantas pessoas, porque não conseguia desviar-me, nem virar e nem travar sem ser com os pés. Para o fim já estava melhor, mas... doiam-me as mãos de tanta força que eu fazia a agarrar a Buga. Mas fiz o passeio. Desafio superado :)

Gostei muito. De Aveiro. De Estarreja e Ovar. Da Torreira. Quero voltar, se não antes, para o São Paio do próximo ano. Mas do que gostei mais foi mesmo de vocês três tolos :) Foi um fim-de-semana super divertido. Descontraído. Tão cheio de ternura. É assim que me sinto. De coração cheio.

Obrigada!











(Aqui se faz NESQUICK!!!!)


Gelados e tripas (a minha tinha recheio de Perna de Pau)













O melhor pic-nic da história dos pic-nics. Obrigada :)

Rosa com purpurinas :)

Sumo de ananás e melão :)





















Ianita conduzindo uma Buga assassina!

7 comentários:

Dylan disse...

Belas terras, húmidas o quanto baste.

Rony disse...

Foi um fim de semana em cheio! Não houve bola de berlim, mas houve tripa, e a companhia não podia ter sido mais gabada! Bj

Pepita Chocolate disse...

o que estas fotos me fizeram lembrar..
O que eu gosto dessa terra. Afinal, sou praticamente uma filha adoptiva de Aveiro. Daquelas que sempre foram tratadas como filha verdadeira.

(desculpa vir opinar, mas foi impossível ficar "calada")

ianita disse...

Dylan: fiquei apaixonada!

Rony: foi mesmo muito bom... e tu sabes que eu não minto :)

Pepita: palpita à vontade... mi casa es su casa :)E eu também me apaixonei por Aveiro :)

LP disse...

Ainda bem que gostaste! Eu se não tivesse envolvida, ao ler este post teria ficado com ciúmes!

Mas obrigada por não me denunciares por não saber onde era a Prisão nem tão pouco saber distinguir um tribunal de uma igreja!

E a foto que do barco que diz Pardilhó-Aveiro está brutal! Depois quero-a!!

Beijinhos

LP disse...

E devias ter aceitado a bolachinha! Aquilo era mesmo bom!! =D

ianita disse...

Menina LP... eu não minto. E foi sincero o que aqui escrevi e que, aliás, já vos tinha dito... quando o Miro perguntou do que eu tinha gostado mais. E a verdade é que, quando me perguntam de Aveiro, só me lembro de vocês. Das conversas. Das piadas. Do riso até às lágrimas. Só depois me lembro dos lugares.

Beijo grande e obrigada por tudo
(e já vi que não cortaste os pulsos... fico feliz :D )