1 de janeiro de 2009

O vôo da fénix

Não gosto de repetir temáticas e muito menos textos. Queria começar este ano como de um livro em branco se tratasse. Mas o novo ano não é um livro em branco. No máximo será uma folha semi em branco no nosso livro da vida. Semi em branco porque não poderemos nunca jamais deixar para trás o que já vivemos. Como a fénix podemos renascer, recomeçar... mas para renascer, para recomeçar, é preciso primeiro que estejamos em cinzas. A fénix não renasce do nada, renasce das suas próprias cinzas. Por isso, depois de longa reflexão, estou pronta a renascer das minhas cinzas. Ontem pus outra vez as lentes cor-de-rosa e vou usá-las até me cansar delas, que será lá pra Setembro ou Outubro quando vir que o ano afinal não me trouxe nada do que eu queria e que as pessoas afinal não têm um fundo bom. Mas hoje não. Hoje eu acredito, hoje estou de lentes nos olhos e quero sair à rua e descobrir coisas novas e coisas velhas e quero ver tudo o que este ano novo tem para me dar. Vou recomeçar, sem esquecer jamais as minhas cinzas... essas viajam sempre comigo, fazem parte de mim, mas não me impedem de voar. Cresceram-me asas novas. E o mote para este dia de renascimento, de recomeço, é um poema que já postei aqui. Um poema de Miguel Torga que espelha muito do que é a minha maneira de estar na vida. Porque eu nunca quero metades e não me canso de procurar todas as metades que há para formar o todo que eu quero.


Recomeça….

Se puderes
Sem angústia
E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.
E, nunca saciado,
Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar e vendo
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças…

14 comentários:

Lita disse...

"De nenhum fruto queiras só metade."

Essa frase sempre me inspirou profundamente. Obrigada por ela.

Lize disse...

Acho que todos renascemos um pouco das cinzas quando começa um novo ano. Mesmo que não dêmos por isso.


Beijocas

Ianita disse...

Lita: temos condicionalismos. Todos os temos como é óbvio, mas isso não quer dizer que desistamos de lutar... mesmo sabendo de antemão que não vamos ter o todo, podemos não nos contentar com metades. Podemos lutar pelo todo e pode muito bem ser que o consigamos... pode muito bem ser, não pode?

LIze: Sim... a mudança de ano é boa por isso... porque fazemos balanços, reflectimos pelo que conseguimos e pelo que queremos ainda conseguir... e estabelecemos metas... enquanto conseguirmos fazer este exercício de renascer, de nos crescerem asas novas depois de tantos problemas, depois de tantas lágrimas e voar... só enquanto conseguirmos fazer isso é que a vida vale a pena! :)

Kisses

Dawa disse...

eheheh Gostei!
O facto de dizeres que lá para Outubro vais perceber que não era nada tão bom como pensavas, já me faz suspeitar que tens as lentes cor-de-rosa mal colocadas.
Empenha-te MESMO nesse renascimento!

Beijos e tudo de bom para 2009!

Anita :) disse...

qualquer dia é bom para renascer:)que hoje seja um desses dias:)

Um beijinho

bono_poetry disse...

...tu es uma das minhas referencias para 2009...vou tornar este teu ano azul e rosa com pequenas bolas de sabao cristalinas onde se darao pinturas de sonhos e flores com varios cheiros desde o jasmim a rosa selvagem...desde o lirio a margarida...teras tambem as cores da orquidea e o voar da estrelicia...um ano maravilhoso tu vais ter...bora?!!!

Ianita disse...

Dawa: Tens razão... vou recolocar as minhas lentes :) Estão mais cor-de-rosa do que nunca! Kisses

Anita: Um dia como os outros, diferente como os outros :) Kisses

Ianita disse...

Bono... e o que fiz eu para merecer isso? Esta mistura de sentidos, de sabores, de cheiros, de cores?

Mas à tua pergunta não tenho dúvidas do que hei-de responder... Bora!

Beijo e um grande 2009!

TM disse...

Na verdade concordo que não podemos querer ser um livro em branco... até porque ainda que menos felizes, todas as páginas que foram escrita possuem a sua importância... mas saber virar a página e seguir com a história de nossa vida é muito importante... Feliz 2009... e Good Luck... :)

Ianita disse...

É isso... virar a página, mas não apagá-la, nem rasgá-la, nem esquecê-la... nós somos a nossa História, a soma dos nossos dias, dos nossos actos, dos nossos sorrisos e das nossas lágrimas e mais qualquer coisa de inexplicável, que faz com que 1+1 nem sempre sejam 2... que nos faz sermos nós mesmos...

Feliz 2009

Kiss

LMF disse...

Então um muito bom 2oo9 pra ti.

Ianita disse...

Para ti também... com mais introspecção...

Kiss

Mi disse...

Eu recitei esse poema em expressão dramática... Adoro-o, simplesmente!

Verónica disse...

Lindo, foi muuuuito bom recordar este poema.