18 de janeiro de 2009

Seven

Fui desafiada pela Lita. :)
O desafio traduz-se na confissão dos nossos 7 Pecados Mortais tendo em conta a seguinte definição dos mesmos:

Gula: Comer a toda a hora e/ou além do necessário;
Avareza: Cobiça de bens materiais e/ou dinheiro;
Inveja: Desejar atributos, status, posses e/ou habilidades de outra pessoa;
Ira: É a junção dos sentimentos de raiva, rancor e ódio. Por vezes é incontrolável;
Soberba: Falta de humildade, alguém que se acha auto suficiente:
Luxúria: Apego aos prazeres carnais;
Preguiça: Aversão a qualquer trabalho ou esforço físico.
As regras do desafio, por sua vez, são as seguintes:
Revelar a nossa relação com os pecados capitais;
Nomear outros 8 blogues para responder ao desafio.
Gula: Como pouco. Não vivo para comer. Não faço kms para comer seja o que for. Acho que há coisas que são boas, mas não valem o dinheiro que temos de pagar por elas. Dito isto... Chocolate... leite com Nesquick... chocolate... muito... do bom... sempre... não resisto.
Avareza: uma rapariga com quem trabalho, esta sexta-feira disse-me: "tu dás demais". Não acho que seja demais, mas sou uma pessoa de dar muito muito mais do que recebo. E não fico triste com isso. Tenha dinheiro e toda a gente à minha volta fica feliz :)
Inveja: epah... do pessoal que ganha o Euromilhões... :)
Ira: Não guardo rancores. Mas... na hora em que as coisas acontecem, expludo. Digo o que quero e o que não quero. Depois passa e até sou pessoa de pedir desculpas, mas na hora... às vezes é preciso paciência para me aturar.
Soberba: Preciso muito dos meus. Mais do que eles precisam de mim.
Luxúria: ora... pois... eu sou de um signo de Fogo... acho que este ar angelical já não engana ninguém :)
Preguiça: Adoro dormir. Adoro estar no sofá sem fazer nada. Adoro estar enroscada em alguém. Adoro estar quieta. Faço o que tenho a fazer depressa, em tempo record até... para me sobrar mais tempo para a dita cuja Preguiça.
A maioria das pessoas que me conhece diz que eu tenho mau feitio. Sinceramente, não é falta de auto-conhecimento, mas discordo. Dou tudo de mim a toda a gente à minha volta, mesmo a quem não merece. Sou um coração derretido e sou incapaz de dizer que não se me vierem pedir as coisas com jeito. Se me pisam os calos, digo o que penso. Isto não é ter mau feitio, mas ser honesta e querer pôr as coisas em pratos limpos. Sou orgulhosa, mas sei reconhecer quando erro. Mesmo sem querer, sempre que magoo alguém, não tenho vergonha de pedir desculpas. Não guardo rancores, porque os exorciso na hora...
Pessoal... quem quiser olhar para dentro... quem quiser dar-se a conhecer mais um bocadinho... pois agarrem este desafio. :)

16 comentários:

Lita disse...

Eu sabia que iria gostar destas respostas.... :)

Ianita disse...

A sério? :)

Hélio disse...

Foi um pequeno luxo! Viva a Luxuria! :) És uma santa! Devias era ter uma fazenda sertaneja no Inferno à espera como eu tenho... :)
Beijinho :)

Lize disse...

:P Acho que vou agarrá-lo :P


Beijocas

Anita disse...

epá...a gula para mim é tramada...eu não consigo resisitir aos xicolatinhos...eu bem tento mas....

Vera Angélico disse...

Bem... o meu pc resolveu bloquear-me as pop-ups, e eu nada conseguia fazer para o contrariar. Precisamente quando escreveste um dos "posts" que mais me "perturbou" de sempre. O Algarve. O que fizeste, para mudar um estado de espírito, e a forma como o viveste. Acho que às vezes precisamos desses "abanões" da vida. Infelizmente, o tempo vai passando, e vai perdendo algum sentido continuar a vivê-los.

Fiz uma coisa muito semelhante em 2000. Já estava na faculdade e o meu pai achou que eu devia trabalhar na área que estava a estudar. Acabei numa recepção de um aldeamento turístico em Vilamoura. E cresci mil anos nesse Verão, à parte das amarguras e dramas pessoais que fui obrigada a viver.

Quanto ao sr. Engenheiro, sem comentários.

Ah... já me esquecia. Tenho uma leitura diferente da tua em relação a um assunto referido, talvez por ser uma inconformada. Custa-me a aceitar que não te permitam ir dar aulas. Admiro-te ainda mais por seres tão profissional ao ponto de conseguires abdicar disso... espero que o aumento corresponda... eheheheh! (E fui a correr fazer o teste, que me deixou um tanto envergonhada. A ser verdade, sou uma grande maluca, e ainda não me tinha apercebido).

Em relação a primeiros encontros, tenho uma teoria que me foi passada pela minha "biblia" das relações: O Sexo e a Cidade. A determinada altura, a Charlotte casa pela segunda vez, e a cerimónia corre mal. A Carrie encontra-a na casa-de-banho inconsolável. E diz-lhe uma coisa que nunca esqueci. Ela já tinha tido um casamento de sonho, de princesa, e que nem por isso tinha sido feliz. Logo, uma cerimónia "trapalhona" só podia ser um bom presságio, if you know what i mean...

(As capelas imperfeitas são mágicas...)

(Na minha perspectiva, um principe nunca poderia estar a ver o Benfica... ehehehehehe)!

(E já me calei, porque isto já me parece um exagero).

poeta_poente disse...

Ui, o mau feitio, quem não o tem :)

Mas se o teu mau feitio é seres a amiga que tens sido até agora, :))) i just love it!!!!!

Beijoooo

Ianita disse...

Hélio: não sou santa nenhuma, muito pelo contrário. Há outros pecados que não são mortais :)

Lize: Agarra, agarra! Vou gostar de ler :)

Kisses

Ianita disse...

Anita: A gula e a preguiça são os "meus" pecados, sem dúvida :)

Kisses

Ianita disse...

Vera: eu achava isso... que o tempo ia passando e havia coisas que já não faziam sentido... mas fizeram. Tinha já 27 anos quando fui e foi a melhor coisa que fiz na vida porque nesse Verão eu nasci de novo. Nasci para uma mentalidade nova, nascia para um coração novo, nasci para uma vida nova... E às vezes preciso de me lembrar da pessoa que era antes de 2007 para ver que estou muito bem como estou. :)

O sr. Engenheiro... de facto não há palavras... não há muitas pessoas que me entendam, mas eu sei o que passei no passado... de um lado para o outro, com horários minúsculos, em casa a olhar para as paredes durante dias e dias e dias... não quero voltar a isso. Os meus pais não sabem desta proposta que tive. Tomei uma decisão isolada, mas consciente. E acho que não me vou arrepender. Quanto ao conciliar... ele foi parvo. A ver vamos agora...

Lembro-me desse episódio. Adorava o noivo dela (era o advogado judeu, né?). Isto foi uma brincadeira... como eu ontem disse a um amigo, se alguém tivesse metido conversa comigo tinha levado um chega para lá :)

As Capelas são mágicas e gostei muito de lá ter estado, mesmo sozinha. Foi muito divertido. :)

E vou repetir, o destino não ia ter o mau gosto de me mandar um príncipe que não fosse do Benfica!! LOL

Kisses

Ianita disse...

Poeta: pois... eu também acho que não tenho assim tão mau feitio... :)

Beijo grande

Neni disse...

Aiiii...medo de parar pra pensar nisso.
:p

LP disse...

Este desafio está na ordem do dia...

'Sou um coração derretido'

E isto às vezes é tão mau... Basta fazerem uma cara mais triste para o nosso murro de firmeza de desvanecer! Pelo menos isso acontece muitas vezes comigo... :\

Beijinhos

Ianita disse...

Neni: pára e pensa nisso :)

LP: é tal e qual. Se baterem de frente comigo não tem sorte nenhuma, mas vierem com jeito... pronto... não consigo.

Beijinhos

Dawa disse...

eheheh és quase perfeita, mulher! :P
Beijinho

Ianita disse...

Nem por isso, Dawa. Nem por isso! :) Sou uma pecadora, só não de pecados mortais!

Kisses