28 de agosto de 2010

Fu-mí-ti-co!

Numa viagem de carro… depois de a pequena nos ter dado uma lição de português… eu chamo o Ruizinho de somítico, ele pede-me para repetir e ela “Ó Rui, fumítico! Vem de “fome”, fu-mí-ti-co! Entendes?”. LOL! E na viagem de regresso percebemos afinal a quem é que ela sai assim espirituosa…

Mãe – eu já lhe disse que não a quero grávida antes dos 9!

Filha – mas eu estou quase a fazer 9!

Mãe – nesse dia digo que não te quero grávida antes dos 10.

Filha – e quando eu fizer 10 dizes que é aos 11, e quando eu fizer 11 dizes que é aos 12, e quando eu fizer 12 dizes que é aos 13 e quando eu fizer 13 dizes que é aos 14 e…

Mãe – entretanto passa para os 45!

Filha – mas tu tiveste-me quando tinhas 21 anos!

Mãe – sim, mas eu era responsável e ajuizada.

[Eu, Ruizinho e D. Lurdes gargalhámos que nem uns perdidos durante largos minutos, enquanto que a pequena não percebia e só perguntava “mãe, qual é a piada?” e a mãe amuava e dizia “não há piada nenhuma!”.]

4 comentários:

Vera Angélico disse...

Bahhhhh... querias que eu lhe dissesse a verdade, não?

Eu sou mãe, pah! Posso não ser ajuizada, mas pelo menos finjo!

:)

ianita disse...

Vera: eu queria era que tivesses visto a tua cara quando te deparaste com a nossa reacção tão expontânea :) eheheh!!

LP disse...

Isso do português é lixado! Lembraste da lição do rapaz da gruta que se estava a atirar descaradamente à im? Estalactite vem de tecto??

Beijinhos

ianita disse...

LP: eheheh!! Ao tempo que não me lembrava desse senhor... "a menina aí" LOL

Esta inventou uma palavra e arranjou-lhe sentido... muito bom!! :)