19 de dezembro de 2010

Ansiedade, nervosismo, felicidade, tristeza, medo, esperança. Tudo se mistura dentro de mim neste momento. Não sei bem quem sou hoje. Nem quem fui ontem. Muito menos quem serei amanhã. Sigo com as algumas certezas que fui adquirindo. Poucas. Mas sigo. O importante é não ficar demasiado tempo parado à espera. Em algum momento temos de nos fazer ao caminho. Não sei se mereço este caminho. Não sei se o construí ou se me foi sendo imposto, numa espécie de Eneias empurrado para o seu destino. Não sei. Nem anseio saber. Quero só acabar um pouco com este sabor amargo. Acabar com alguma desta insatisfação. Aprender a ser mais pelos outros e menos por mim. Aprender a relativizar. Aprender a dar o melhor de mim. Aprender a respirar fundo.

Avanço num caminho rumo a algo que queria. Só não queria que tivesse sido este o caminho. E espero que este caminho não me tire o gosto de conquista deste objectivo. Acho que é isso. Uma espécie de agri-doce. Um caminho demasiado difícil e uma porta que se vai fechar definitivamente. Outra que se abre? Sim. Mas não queria ter que fechar portas. Não estas.


Nasci subversivo.

A começar por mim - meu principal motivo

de insatisfação.
(Miguel Torga)

7 comentários:

Rony disse...

Está quase, quase, comecem as mudanças :)

Joana disse...

Texto simplesmente genial.
Em tão pouco diz tanto!

Isandes disse...

ai ai, devemos partilhar um mapa natal muito semelhante. o outro é que foi 1 profeta "estou bem aonde não estou, pk eu só estou bem aonde..." keep it going! *

Dylan disse...

Bom Natal!

Luisa disse...

Desejo-te um Natal Feliz, junto da tua família e amigos.

Um beijinho

Luísa

http://elfyourself.jibjab.com/view/09CYKAtb71H599uACXYM

Rui da Bica disse...

Olá Ianita ! :))
Só para te desejar Um Natal Muito Feliz !
.

ianita disse...

Espero que tenham tido um Natal feliz e que sejam felizes todos os dias.

Rony: para mim nunca é fácil, não é? Mesmo quando as coisas parecem resolvidas, eis que...

Isandes: eu acho que estarei bem para onde vou. Só que é tipo em vez de ires de A1 ou A8 rumo a Lisboa, ires a Paris e depois vires de burro. O destino é o mesmo, mas os caminhos não... é tipo isso..

Beijinhos a todos!
(Luísa, saudades! Beijinhos muitos!)