14 de fevereiro de 2011

Aos meus amigos... meus amores de sempre e para sempre

Amigo
Mal nos conhecemos
Inaugurámos a palavra «amigo».

«Amigo» é um sorriso
De boca em boca,
Um olhar bem limpo,
Uma casa, mesmo modesta, que se oferece,
Um coração pronto a pulsar
Na nossa mão!

«Amigo» (recordam-se, vocês aí,
Escrupulosos detritos?)
«Amigo» é o contrário de inimigo!

«Amigo» é o erro corrigido,
Não o erro perseguido, explorado,
É a verdade partilhada, praticada.

«Amigo» é a solidão derrotada!

«Amigo» é uma grande tarefa,
Um trabalho sem fim,
Um espaço útil, um tempo fértil,
«Amigo» vai ser, é já uma grande festa!

Alexandre O'Neill, in 'No Reino da Dinamarca'

 Porque há dias perfeitos






5 comentários:

Vera Angélico disse...

Eu, feliz, por ser parte da tua vida!

Beijos.

Anónimo disse...

Abraço apertado do Tojo, Cati e Margarida...

Anónimo disse...

Amigo e uma tarefa ardua a tempo inteiro sem duvida!!!beijo imenso,adoro o azul!
bono!

Patríciangélico disse...

Que giros. E essas miúdas aí são altamente giras. ;) (E eu posso saber porque é que eu não apareço em nenhuma foto de amigos?)

ianita disse...

Patrícia: está aqui o melhor de ti ;)

A todos, beijos muitos! Gosto muito de vocês!