25 de junho de 2008

Professores

Pois... a culpa é toda deles e tal! (repararam como já só uso o pronome de 3ª pessoa?).




É mais fácil pôr a culpa nos outros do que em nós próprios. Há muitos maus professores, como há muitos maus advogados, médicos ou cantoneiros! Há muitos maus pais, que descartam para a escola uma responsabilidade que também é deles. Há muitos maus alunos. Não falo dos que não conseguem passar de ano, mas dos que manipulam pais e professores a seu bel-prazer e que são mal-educados e que levam piolhos para a escola de propósito para contaminar a professora!



Isto surge a propósito de uma conversa que tive com uma amiga. Ela que é professora e explicadora e que me dizia que sentia mal em cobrar as explicações quando os explicandos tinham negativas. Isto prova que há professores que se interessam, que não são mercenários da educação, mas sobretudo que há quem exagere. Como ela.



Porque, e ela concordou, um professor, quando tem a consciência limpa, quando sabe que deu o seu melhor para que aquele aluno aprendesse, não tem de se sentir culpado porque o aluno não consegue. E não consegue porque não estuda, porque ficou nervoso no dia do exame, porque não consegue. Quantas vezes perguntei ao meu explicando pelos exercícios de Gramática que lhe tinha mandado fazer? Nunca os fez. Não lhe posso agarrar na mão e obrigá-lo... No exame errou uma pergunta de 20 pontos a que, tivesse resolvido os exercícios, responderia de caras. Não me vou sentir culpada por isto...


Mas, no fim de contas, a culpa é sempre dos professores, né? Pois...

7 comentários:

Raquel disse...

Ah pois é amiga, e já sem falar no na já tipica frase dos discentes... "Eu sei que não me podes bater, por isso faço o que quero"!
Mai nada....

Ianita disse...

Houve uma miúda que um dia se saiu com esta pérola: "A minha mãe diz que isto não conta para nada!". A verdade é que não contava para chumbar, é facto, mas conta para a educação da criança e um pai a dizer isto não está a educar, mas a deseducar! Credo!

N s percebe bem, mas o Calvin diz que se não está a aprender a culpa é da professora... :) E não é sempre?

Manuela disse...

Esta questao dos professores e sempre bastante complicada para mim. Eu nao sou professora mas sou amiga de muitos. Acho que hoje em dia os miudos nao se esforcam o suficiente. So se interessam em jogar no computador, PSPs, PS3s, gozar a vida, fumar umas ganzas... A escola para eles e totalmente desinteressante. Nao vou dizer que era interessante para mim mas ia porque era ali que eu via o meu futuro. Nao pensava que o meu futuro dependia se os meus pais conseguissem passar o Nivel X do Jogo Y. O mundo esta muito facilitado para os miudos por isso nao dao valor a nada. Faz parte das responsabilidades dos pais ensinar-lhes o porque de precisarem de ir a escola. Faz parte das responsabilidades do pais educarem os seus filhos. A responsabilidade dos professores e de ensinar conteudos nao boa educacao. Mas e preciso nao esquecer que tambem e responsabilidade dos pais passarem tempo com os filhos. E isso, hoje em dia, e um mito...

Ianita disse...

Isso de o teu teclado não ter acentos... :) Quem não souber acha que és um exemplo de má aluna, o que não podia estar mais longe da verdade!

Os pais desligaram. Querem dar aos filhos o que nunca tiveram e exageram, e muito! Entregam na escola a responsabilidade da esucação e que tem de ser partilhada. Isto resolvia-se com umas aulinhas de como se ser pai e mãe. Já não digo com um par de estalos, mas era o que me apetecia! :)

Raquel disse...

E eu não digo k tu hoje estás virada para a violência????

Manuela disse...

Pois, e uma vergonha para mim publicar um comentario cheio de "erros" ortograficos, mas ca vao eles. Sempre fui tao orgulhosa do meu bom portugues. Agora e uma tristeza. Ainda nao sou perfeita no meu ingles e o meu portugues anda desta maneira. Pior e quando ja nao me lembro como se diz algo em portugues. Lembro-me muito mais facilmente de eggplant do que beringela... No outro dia perguntaram-me como se chama um nerd em portugues. A unica palavar que me saiu foi cromo...

Ianita disse...

Tradução mais que aprovada!! Um nerd é um cromo! Perfeito!

E eu gosto sempre de ti com ou sem erros, intencionais ou não! Juro! :)

E a verdade Raquel, é que ao contrário do que sempre disse em miúda, apetece mesmo bater nos miúdos que são mal-educados e estúpidos e rudes e asneirentos e tudo. Nunca o fiz, mas dei por mim muitas vezes a desejar poder puxar uma orelha ou mandar um belo sopapo à costa da mão!! Mas depois pensava que quem merecia o sopapo eram os pais e acalmava. Às vezes, outras vinha pra casa descarregar em cima de quem não tinha mesmo culpa nenhuma... Vida de prof não é mesmo nada fácil. Pelo menos, vida de prof que se preocupa em ensinar alguma coisa de jeito a estes delinquentes! :)