11 de agosto de 2008

O ingrediente secreto

O ingrediente secreto.


Às vezes é uma pitada de pimenta, ou uma malagueta em vez de piri-piri, pode ser uma erva que quase ninguém conhece ainda. Pôr leite em vez do iogurte, cortar no açúcar, pôr um chiripiti de brandy ou de Porto.

Estamos sempre em busca da diferença, daquele pequeno pormenor que fará a nossa receita a melhor. Quando vamos a um restaurante, ou jantar a casa de amigos, muitas vezes damos por nós a pensar: "como será que fizeram isto? será que consigo fazer isto em casa?". E normalmente não conseguimos, mesmo seguindo religiosamente a receita que nos deram, porque o cozinheiro tem, de certeza, um ingrediente secreto que está a esconder e que, por isso, nos está a escapar!

Mas a verdade pessoal, é que não há ingrediente secreto para a sopa do ingrediente secreto! Não há nenhum pergaminho sagrado com o segredo que nos transformará no melhor guerreiro de sempre.

Contra todas as expectativas, o Po foi o escolhido como o maior lutador, apto a defrontar o temível Tai Lung. Quando vemos que o Tai Lung derrota todos os magníficos lutadores de kung fu, tememos pelo coitadito do Po. Mas coitadito porquê? Porque é diferente? E por ser diferente não poderá ser bom lutador e derrotar o Tai Lung? Ah, mas ele tem o pergaminho sagrado que vai fazer um milagre qualquer...

Pois é. Mas não há pergaminho sagrado, assim como a sopa do ingrediente secreto não tem ingrediente secreto. Po "finds that his greatest weaknesses may just be his greatest strengths."


Podemos não ser perfeitos, mas somos perfeitos para determinada pessoa. Encaixamos. O Po é balofo e trapalhão, mas é o lutador perfeito para defrontar o Tai Lung. Sem pergaminhos sagrados, sem ingredientes secretos, só ele. Perfeito na sua imperfeição.
Continuo com esta ideia a martelar-me na cabeça, a sopa do ingrediente secreto não tem ingrediente secreto. Fantástico.



2 comentários:

Verónica disse...

Quero ver, deve ser fixe!

Ianita disse...

Mas é como te digo, em Português há-de ser muito melhor. E vale a pena para quem goste do género :)

Ah! A grande novidade é o Madagáscar II. :) Novembro!