1 de outubro de 2008

De Espanha, nem bom vento nem...

Vários militares espanhóis de uma frota de navios de guerra daquele país que se encontra na Madeira foram este sábado identificados pelas autoridades após vandalismo na nau «Santa Maria», da qual arrancaram a bandeira portuguesa, disse este domingo fonte oficial, noticia a Lusa.



De acordo com Coelho Cândido, comandante do Comando Naval da Madeira, os marinheiros, que saiam de uma discoteca, invadiram a embarcação, uma réplica da Nau «Santa Maria» que se destina a passeios turísticos, provocando pequenos danos e arrancando a bandeira portuguesa.
«Foram identificados pelos agentes da PSP que se encontravam muito perto do local e posteriormente os factos foram transmitidos à Polícia Marítima», disse.



Os marinheiros foram conduzidos às suas embarcações, onde foi comunicado o incidente.



O proprietário da embarcação poderá apresentar queixa contra os marinheiros espanhóis identificados por invasão de propriedade.



Aqui está uma notícia que desperta em mim um sem-número de reacções e emoções, muitas delas, admito, contraditórias.



Não gosto de espanhóis e nunca gostei. E os espanhóis não gostam de nós. Andamos há algum tempo naquela que somos os melhores amigos. O nosso 1º a lamber as botas do Zapatero, a dizer que é o seu melhor amigo na Europa (viram a reacção dele? Ridículo). Depois são os Festivais Eurovisão da Canção e da Dança onde trocamos pontos, assim, na boa, como se nos dessemos muito bem. Não damos e nunca vamos dar.



Estávamos numa espécie de paz armada. E agora... Bem, agora parece que ninguém se importa que uns espanhóis tenham vandalizado a Bandeira Portuguesa em solo nacional. Deram-lhes uma palmadita na mão e mandaram-nos embora como se nada fosse. E se fossem portugas a fazer isto em Espanha, com a bandeira espanhola? Há dúvidas?



Por outro lado... Como é que posso ser benfiquista e não gostar de espanhóis? Este adivinha-se um ano difícil para mim...

8 comentários:

PAULO disse...

Super, felizmente não temos que estar de acordo... tens um blog livre.
Eu curto à brava os espanhóis, pelos menos nunca nos foderam (esquece aqueles 60 anos) como fazem constantemente os ingleses e quando o fizeram levaram na tromba, até de uma padeira …
Eu já vivi em Espanha e tenho a certeza que os espanhóis gostam dos portugueses, acredita.
Os marinheiros estavam com um grande pifo, foram esses que fizeram cagada com a bandeira não os "espanhóis" … e os portugueses também já fizeram muita merda dessa por esse mundo fora (quantas histórias queres? com violações à mistura ...) ... vá lá, vamos deixar os moços em paz... depois de umas semanas no mar deve ser uma fominha … …… :) :)

Ianita disse...

Hey! Também conheço espanhóis :)

Isto não é um ódio visceral, mas uma antipatia, um certo bairrismo até.

Como os do Norte não gostam dos de Lisboa (generalização parva, eu sei) eu não gosto dos espanhóis. É um tipo de bairrismo que não deixa de ser saudável se entendido como tal.

Na altura em que andava na escola, não sei se os professores se só eu mesma, cultivava-se esta antipatia, esta rivalidade.

A minha revolta com esta notícia é que os senhores não foram punidos, coisa que não aconteceria se a situação fosse inversa.

E irrita-me o bajulismo do nosso 1º.

E irrita-me que o Benfica esteja cheio de espanhóis. Mas que são bons, são. E giros :)

Isandes disse...

Também no los gusto...

Anita :) disse...

Já eu Adoro Espanha e, os espanhóis!!!admiro essencialmente a sua forma de encarar a vida e, o optimismo constante!!!
Quanto ao SLB...epá...deixa lá que mesmo que fossem só ingleses, italianos ou portugueses a compor a equipa, o resultado era o mesmo...é que o FCP simplesmente bão dá hipótese ehehehe:)))

Beijinho

u joão disse...

Olá!Desculpa a invasão loll.. acho muito interessante e didáctico o teu estaminé, costumo visita-lo. Agora se me permites, discordo da tua apreciação sobre Espanha e os espanhóis. Tive a oportunidade de viver em Espanha durante alguns anos e posso garantir-te que os espanhóis têm grande afecto por nós. Também não podes generalizar, porque existem muitas espanhas. Estarás a falar-presumo- dos castelhanos, esses durante séculos tiveram uma atitude em relação a nós, de algum pedantismo, arrogância, hoje já não é assim felizmente. Acho que, são os espanhóis, na generalidade, o povo que tem mais semelhanças connosco, ao contrário, daqueles que pensam que são os brasleiros.
A nossa aversão ao espanhol foi incrementada pelo antigo regime. Porque as nossas "zangas" foram importantes para nós, mas, insignificantes para eles. Acho que só teriamos a lucrar, se deixassemos de lado essa rivalidade e nos uníssemos, porque só teriamos a ganhar. Aprendendo com eles por exemplo; "as ganas de vivir"
Beijinho

Ianita disse...

Anita: também gosto do FCP, este ano estão a ganhar tudo! (Entenda-se Futebol Clube da Pocariça, porque o outro FCP...) :)

João: Obrigada pelas visitas e espero que continues a vir e a comentar.

Foi como disse ao Paulo... é uma antipatia pelo povo, mais do que pelas pessoas. Acho mesmo que vem da escola este sentimento de rivalidade (e não estudei no Antigo Regime)... não sei explicá-lo e não tenho justificativa racional para ele... foi algo que cresceu comigo e a que até acho alguma piada.

Acho piada porque não é a sério :) porque sei e vejo que estão a anos luz de nós em muitas coisas. Acho que é mesmo um sentimento bairrista, de quem gosta muito do seu bairro e gostava que fosse tão bom como o do lado, e afinal nem é. Pelo menos como já foi :)

Houve uma vez, andava eu no 6º ano, perguntei ao prof de HGP se os espanhóis também aprendiam os Descobrimentos na Escola. E olha que ele não me respondeu :)

filomeno2006 disse...

Sabias palabras de Paulo

filomeno2006 disse...

Sabias palabras de U Joao