15 de maio de 2009

Confiança

Nadadores do Bairro dos Anjos destacam-se a nível nacional from rleiria on Vimeo.



No outro dia, a família Lontra dizia-me que não perdia nada em marcar já a viagem. Se calhar é isso mesmo que vou fazer. Mais que esperança, certeza. Confiança.

14 comentários:

Rice Man disse...

Não consigo ver o vídeo! :(

ianita disse...

Mr. Rice: experimenta ir a este link: http://www.regiaodeleiria.pt/?lop=conteudo&op=077e29b11be80ab57e1a2ecabb7da330&id=fd93115dcd4aa2d53351b0a81883335c

Rice Man disse...

Continuo a não conseguir ver... mas li o que lá estava. ;)

Não é que ela precise mas a tua certeza e a tua confiança inabalável também a ajudam a fazer o seu melhor! ;)

PAULO LONTRO disse...

Confirmo, e marca bastantes dias porque as finais são depois das semi-finais ...

olgacruz disse...

Semi-finais???
Finais???

Isso é que é confiança!...


Como ela diz:
IMPOSSIBLE IS NOTHING!

:)

PAULO LONTRO disse...

A força de vontade e a convicção são os maiores aliados do trabalho.
Quando o Objectivo está traçado só o destino o pode travar.
Portugal já esteve muito pior mas é fantástico ver atletas de alta competição assim, a treinar em piscinas pequenas e mesmo assim fazem estes tempos e são campeões nacionais.
Parabéns a este clube de Leiria e… este ano é ano de eleições autárquicas logo… avizinha-se anúncio de piscina de 50m…

olgacruz disse...

Isso é que já não sei...
Eu sou como S. Tomé: Ver para crer!

De qualquer forma, vamos tendo esperança... dizem que é a última a morrer, mas por estes lados acho que já está moribunda! :)

Enfim, valha-nos os espirito de sacrificio destes miudos.

Obrigada pelo apoio!!

ianita disse...

Mr. Rice: eu não ajudo nada. É tudo ela!

Paulo: a natação só conta para se auto-promoverem. Mas, para os políticos, é um desporto que não tem ainda relevância suficiente para fazerem promessas à conta dele. Talvez prometam acabar o Estádio Magalhães Pessoa, que é a maior vergonha deste Distrito. Não por estar inacabado, mas por ter sido feito. Parabéns aos atletas e às suas famílias porque é à custa deles que tudo se faz. O investimento do clube é pouco. Não fosse a força de vontade dos atletas e o apoio financeiro e moral da família... Se assim não fosse, eles não conseguiriam nada, nas condições que têm. E poderíamos ainda pensar que se conseguem isto nestas condições, o que conseguiriam com mais? Com condições de país de primeiro mundo? I wonder...

Olga: podemos sempre sonhar. O céu é o limite!

olgacruz disse...

Maninha,

Estás a ser um bocadito injusta com o clube: vou tentar repôr aqui a verdade dos factos.

Académico de Leiria até meados da época passada é para esquecer: APOIO = ZERO!!!
A partir daí é um bocadito diferente. Com o Projecto Natação Leiria, os Juvenis, Juniores e Séniores ficaram a cargo do Bairro dos Anjos. Em questão de apoio, não fazem mais porque não podem!

As dificuldades dos clubes também são muitas, e com o nível destes atletas já se justificavam patrocinios, que não existem...

É a região que temos...
É o país que temos...
E porque NÃO É FUTEBOL!!!!

E sim, sonhar não custa...

Beijinhos,
Olga

ianita disse...

Olga: a tua verdade dos factos não é muito diferente da minha.

Sabes tão bem como eu que nos States os atletas são apoiados praticamente desde o berço. Na Rússia, na China, na Inglaterra, a mesma coisa. O apoio, pouco, que há agora não invalida o facto de antes ter sido ZERO! Aliás, a Sara não começou a praticar natação no ano passado. Começou, se não me engano, aos 4 anos. E desde os primeiros dias, feitos de apenas e só querer aprender a nadar, até ao ano passado quando se começaram a ver mais apoios, todos estes anos foram feitos de esforço, determinação, trabalho, empenho dos atletas e apoio incondicional das famílias.

O que este país tem de perceber é que um atleta do nível do Nélson Évora ou da Vanessa Fernandes não nascem do nada, nem aparecem aos 16 anos. Quando aparecem com resultados nacionais já têm anos de trabalho para trás. Muitas lágrimas, muita vontade de desistir...

É muito bonito termos orgulho da Vanessa Fernandes. É portuguesa. Mas treina lá fora. Acho que era hora de termos vergonha e de criarmos condições para os nossos atletas treinarem cá. Há umas bolsas, mínimas, mas só quando os atletas atingem determinado nível de competição. E para atingirem esse nível? É só apoiar quando estão no topo? E até lá? Até lá os atletas dependem de si mesmos e dos pais que se levantam às 5 da manhã para os levarem aos treinos. Dos pais que abdicam de fins-de-semana para estarem a apoiar todas as provas, e não só agora quando ganham coisas. Todas as provas, desde sempre. Os pais que abdicam de férias para poderem comprar as vitaminas e suplementos e fatos de banho para treinar e outros para competir e etc...

Custa-me que os apoios, mesmo poucos, só surjam agora. Mas a Sara não se lembrou de começar a nadar agora...

A culpa também é nossa... nossa, mais minha até que tua. Culpa de quem vibra demais com o futebol... Culpa de quem dá tanto dinheiro ao futebol. Custa-me que este Município que não tem dinheiro para saneamento básico em algumas freguesias, que não tem dinheiro para uma piscina de 50m, tenha tido dinheiro para um Estádio, de uma equipa que joga na Liga de Honra.

Esquece. Hoje deu-me para isto...

Beijos

olgacruz disse...

Ok. Subscrevo!
Só queria mesmo registar o esforço e empenho que o clube ADBA (Bairro dos Anjos), tem mostrado para esta modalidade em Leiria. Coisa que nunca antes houve da parte de outro clube, de resto subscrevo inteiramente.

Bjs,

izzie disse...

Eu deixo apenas um :D
E tu sabes o que quero dizer...

Beijo,

Isandes disse...

Go for it! xuac

ianita disse...

Izzie e Isandes: Obrigada! :)