2 de junho de 2009

Marta

Num dia em que se sucedem notícias más, arrepiantes... histórias de mortes... é dia também de histórias de sobrevivência e de esperança... Cito a mensagem skype que correu aqui pela Empresa... (a menina é sobrinha da patroa, logo... houve um envolvimento maior das pessoas aqui...)

Vem de Espanha a salvação para Marta, a menina de quatro anos que sofre de leucemia e cuja família iniciou uma campanha no Facebook para tentar encontrar um dador compatível.

"Foi identificado um dador para a nossa filha Marta. Queríamos agradecer a todos o todo o empenho demonstrado. A Marta foi apenas o rosto de um problema grave que atinge milhares de crianças", diz a mensagem da campanha da criança no Facebook .

Ao Expresso, a tia Maria João Drey confirma a notícia e apesar do dador ser espanhol não descarta a hipótese de ter sido encontrado através da onda de solidariedade que se gerou na Internet.

"Acabámos de saber agora e a única coisa que temos certeza é que vem de Espanha. Não sabemos como o encontrámos, mas a nossa campanha estendeu-se até à Austrália", adianta.

Para quem quiser saber mais, visitem o site da Marta (ou o site do centro de histocompatibilidade) Para quem ainda não está nas listas de dadores... pensem nas outras Martas... não custa nada. E deve ser tão mágico......

12 comentários:

Lita disse...

Que bom! Parabéns, Marta! Que tudo corra pelo melhor!

Brigitte disse...

Parabens à Marta por esta vitoria!!!

Passa no meu cantinho e conhece o novo inquilino!!!

beijos
:)

Mag disse...

Que maravilha! :) Uma história que se encaminha para um final feliz!
Um beijo grande de coragem para a Marta e família.

IandU disse...

Se se confirmar a compatibilidade é uma história com final bem feliz ;)

Eu sou dador.

É preciso dizer que quando alguém vai fazer a doação não é para uma pessoa em especial, é para uma base de dados que depois confirmar a compatibilidade com as pessoas.

Muitas vezes se vê as pessoas a dizerem: "Está a doar para tal..." não é para tal é para todos, pode é acontecer.

ianita disse...

Iandu: tens razão, mas... quando as pessoas dão numa campanha, é em primeiro lugar para aquela pessoa.

Ou seja... se eu fosse dadora e houvesse duas pessoas a precisarem, a minha medula seria em 1º lugar para a pessoa da campanha. Foi assim que me explicaram.

Mas o que acontece é isso que dizes. Estas campanhas mobilizam milhares de pessoas que, de outra forma, não seriam dadoras. As pessoas identificam-se e comovem-se com aquele caso em particular, mas ficam na lista para dádivas nacionais e internacionais.

Kiss

IandU disse...

Não concordo nem discordo da tua primeira frase. O que posso dizer é que se estiver correcto o que tu dizes, muito dificilmente acontecerá, pois se já é difícil haver para uma pessoa quanto mais para duas!

ianita disse...

Iandu: sim, é verdade. Mas foi isso que me disseram...

Kayla disse...

que Maravilha!!!!

olgacruz disse...

Fico muito contente!

O primeiro passo está dado (e o mais importante), agora a Marta terá ainda uma longa batalha!

Que corra tudo pelo melhor, e que vença esta guerra contra a doença!

Um abraço de coragem para a Marta e faliliares

Rice Man disse...

Excelentes notícias!! :) E é sempre bom divulgar estas coisas quando acontecem para que as pessoas não fiquem com a ideia que é uma causa perdida.

Verónica disse...

Nem imagino o alivio da Marta, dos seus familiares e amigos, força para todos!

lilipat2008 disse...

Ouvi falar nisso na tv...espero sinceramente que corra tudo bem...:)

bjs