1 de junho de 2009

No calor da tarde...





"O último condenado à morte", com argumento de António Torrado a partir de uma história verídica, tem como protagonista o actor Ivo Canelas no papel de Francisco de Mattos Lobo, jovem seminarista que se apaixona por Adelaide (Maria João Bastos), francesa que tinha casado com o seu tio e que regressa a Portugal depois de ter ficado viúva.

Possuído pelo ciúme perante a beleza da tia que desperta paixões, Francisco de Mattos Lobo matou Adelaide, os dois filhos dela e uma criada, e foi condenado à forca a 16 de Abril de 1842.

Nicolau Breyner, Albano Jerónimo, João Lagarto, Ângelo Torres e João Cabral são outros actores que integram esta produção.

O filme teve co-produção do Brasil e da Suécia e contou com o apoio da RTP e do Instituto do Cinema e Audiovisual.

Sem querer tomar posição sobre a condenação de Francisco de Mattos Lobo, o realizador não quis deixar de sublinhar que o crime influenciou a opinião pública na época a discutir a questão da pena de morte, que viria a ser abolida em 1867.

Nos fins de 1990, só 36 países tinham abolido a pena de morte, enquanto 27 a mantinham sem a aplicar e 99 a conservavam com plena eficácia.

"Está pois a pena de morte abolida nesse nobre Portugal, pequeno povo que tem uma grande história. (...) Felicito a vossa nação. Portugal dá o exemplo à Europa. Desfrutai de antemão essa imensa glória. A Europa imitará Portugal. Morte à morte! Guerra à guerra! Viva a vida! Ódio ao ódio. A liberdade é uma cidade imensa da qual todos somos concidadãos!" Vítor Hugo

16 comentários:

Verónica disse...

Sábias palavras estas de Vitor Hugo.

Qualquer filme com o Ivo é bom, ele só participa em projectos de qualidade. Fica na lista dos que tenho de ver.

ianita disse...

Verónica: podes crer! Sábias palavras mesmo. Ainda ontem lia mais um pouco do romance do Rodrigues dos Santos e lá se lia qualquer coisa como "não vos entregamos os prisioneiros porque vocês os vão fuzilar! Em Portugal não se matam pessoas", o sr. não queria entregar os prisioneiros aos espanhois. Somos pequenos, mas a nossa História é grande!!

E sim, o filme é bom. Com alguns momentos parvos de riso, para aligeirar um pouco o tema que é quente e quase mórbido.

Kiss
(e não achas que em Coimbra city falta uma praia?)

Luisa Moreira disse...

Do filme porque não vi, não conheço guardo-me para mais tarde. As fotos fresquinhas!! são lindas...! Pode-se saber onde é?

ianita disse...

Luísa: A cidade é Coimbra :)

Fui com a minha irmã para irmos ver o filme, que não vai estar em Leiria. Aproveitámos para passear um pouco, embora pouco. Porque estava demasiado calor e as manas Francisco são pouco dadas a calores exagerados :)

O filme é histórico e é muito bom. Recomendo!

Beijinhos!

PAULO LONTRO disse...

a 21 de Maio

Paulo Lontro
“ …Opá, este Ivo dá-te mesmo a volta Ianita... 1 em cada 10 post falas do caramelo!
lol lol lol .....
:)
Ianita
Paulo: já tenho mais de 420 posts neste blog... e acho que "ainda" só dediquei 5 posts ao Ivo... a tua matemática está fraquinha! :)….”

Aqui está, a rondar 10 post depois…,e 10 dias depois, aqui está o IVO ….
Lol…lol…lol…lol….
:)
;)

ianita disse...

Paulo: é que nem falei nele!! Repara no tom neutro deste post que foi quase todo copiado de um qualquer artigo que li na net!! Nada em como o Ivo é lindo e maravilhoso e fantástico e talentoso e em como passei o filme todo a babar!!! Nada de nada!! Que injusto!! ts ts ts

Beijo!~

(espreita: http://ajudaramarta.blogs.sapo.pt/883.html)

PAULO LONTRO disse...

Eu reparei que querias ver se passava despercebido… mas eu estou atento… afinal criticaste a minha matemática e afinal aí está , 10 dias depois do ultimo IVO, IVO, IVO, o IVO volta aparecer aí pelas bandas da SUPER I. …!!!
lol lol lol lol ………………………

:)

ianita disse...

Paulo: falei de um filme onde, por mero acaso, aparece o Ivo. É que eu nem fui de propósito a Coimbra para o ver nem nada!! :) LOL

(Isto das datas é mera coincidência!)

;)

Rice Man disse...

Tiveste de ir a Coimbra mas valeu bem a pena! Tanto pelo filme (pelo que disseste) como pelo passeio. :)

Não tenho opinião sobre o filme porque ainda não o vi mas se é assim tão bom é realmente uma pena que só esteja em 8 salas de cinema em todo o país (sendo que 3 delas são em Lisboa).

ianita disse...

Mr.Rice: valeu mesmo... nem sabia isso de estar só em 8 salas, mas é o costume neste país... é indecente!

Teria sido melhor o passeio sem tanto calor... mas foi muito bom pelo convívio pela sister :)

izzie disse...

Beeeem... eu acho que já respondi, efusivamente, a este assunto no Sábado à noite, não? ;)

Brigitte disse...

Uma grande paixão que tenho é a fotografia....adoro a primeira que aqui tens!!!

:)

ianita disse...

Izzie: neste filme não discutíamos... tu vias o Albano e eu via o Ivo... se bem que eu ia ficar contente mais vezes ;)

ianita disse...

Brigitte: a minha irmã gozou-me por tirar essa foto! Mas a mim parece-me que ficou muito bem :) Obrigada!

:)

Dylan disse...

Em qualquer altura do ano Coimbra é Coimbra: divinal.

ianita disse...

Dylan: concordo plenamente :)