1 de novembro de 2009

Dos homens...

Ainda há quem diga que as mulheres são estranhas...

Se nós queremos namoro, somos chatas e melgas e eles não querem compromisso.

Se nós não queremos namoro, somos pérfidas e más e calculistas e eles andam atrás de nós que nem cachorrinhos. Telefonam todos os dias. Mandam mensagens. Ousam perguntar onde estivémos no fim-de-semana e olham-nos com um ar estranho quando respondemos um bem merecido "hás-de ter muito a ver com isso" ou "isso agora".

Ontem esteve a dar o terceiro filme da saga American Pie. E há uma cena porreira num bar gay, em que o Stifler prova que é um gajo bom e que até os homens o querem. Ou seja, ele é homofóbico e tal, mas os gajos tinham que o querer comer.

Acho que os homens são assim um bocado. Eles até podem nem gostar de nós, mas eles têm na ideia que são de tal forma irresistíveis que nós temos de morrer de amores. E eles têm de ser sempre o melhor que tivemos na vida. E quando dizemos que "nem por isso" ainda nos respondem "as mulheres mentem sempre nestas alturas" ou algo do género.

Será assim tão difícil de acreditar que não foram o melhor que tivemos na vida? Que a nossa vida não começou anteontem? Por que terão sempre de ser os melhores, os mais, os mais engatatões, as mais poderosas armas sexuais?

Dizem que não querem mulheres melgas, mas é isso exactamente que esperam. Mulheres melgas e dependentes. E quando lhes aparece alguém que se calhar nem gosta assim tanto deles e que até lhes diz a verdade... ficam desnorteados. Não entendem. Dizem que somos animais estranhos só porque ousamos dizer a verdade. O que eles queriam era dizer aos amigos "epah! aquela gaja não me larga... diz que sou o melhor homem da vida dela e agora não me larga". Deve ajudar ao ego, não sei.

Percebo o porquê de as mulheres mentirem. A certa altura torna-se cansativo ter alguém sempre a duvidar do que dizemos. Torna-se mais fácil dizer o que eles querem ouvir, a ver se não nos chateiam mais. E depois de uma vida de verdades, quando dizemos a mentira que queriam ouvir ainda rematam "eu bem sabia!".

Acho mesmo que nós mulheres mentimos na proporção em que amamos. Porque custa estar sempre a contrariar as fantasias de super-homem da pessoa de quem gostamos. Quando não temos qualquer vontade de lhes fazer a vontade, quando não nos apetece alimentar-lhes o ego, quando até temos um certo gozo em ver o desnorte deles quando dizemos a verdade... isso deverá querer dizer qualquer coisa do tipo... I'm not that into you.

Depois há os que se afastam. E há os que nos perseguem até nós lhes dizermos as mentiras que precisam ouvir e só então se afastam. Parece-lhes impossível que uma mulher não os queira, a eles, a última maravilha à face da Terra.

Temos pena. Estou numa fase em que não me apetece mesmo nada mentir. Nada de nada. Agora vamos aguardar pelas reacções a toda a verdade. :)

10 comentários:

VG disse...

É como nos "Ídolos", é preciso dizer a verdade aos cromos...

Depois conta a reacção...

ianita disse...

VG: LOL é isso mesmo!! A pura dura verdade!

Depois, como é óbvio, vou ser como a típica gaja e vou desbroncar-me toda :) eheheheh

Luisa Moreira disse...

A verdade dói bastante, mas a dor maior é, a da mentira. Como mulher é, assim que penso.

Beijinhos
Luisa

ianita disse...

Luísa: estou contigo! Não gosto de mentiras. Detesto-as mesmo.E sou incapaz de mentir. Não vejo necessidade da mentira, quando se pode simplesmente dizer a verdade...

Mas os homens não gostam de ouvir as verdades... ou não haveria mulheres a fingir orgasmos, por exemplo. No que toca ao seu orgulho masculino, à sua performance, gostam muito pouco de ouvir a verdade... Ou preferem outras verdades :)

Beijos
[mas eu, como é lógico, não alinho em mentiras piedosas ;)]

RedWoman disse...

Também sou das que acha que é preferível dizer e ouvir a verdade, mesmo que isso possa magoar... e realmente talvez seja por isso que não tenha grande sorte com o sexo oposto :)
Não sei... devem procurar alguém que lhes encha o ego e faça tudo da maneira que querem e quando encontram alguém que não o faz, ficam perdidos...

Isandes disse...

é, eles gostam delas dependentes e ciumentas. muito ciumentas, muito dependentes. para provar ao mundo o quão bom eles são. mas é como diz a canção "can´t live with or without you"... bj!

ianita disse...

Redwoman: experimenta tratá-los mal e tem-los aos teus pés... nunca pensei que isto fosse possível, mas a verdade é que é. O fulano manda-me 30 mensagens por dia e telefona-me todos os dias... deve estar a tentar convencer-me que ele é o melhor que me aconteceu na vida. NOT! :)

ianita disse...

Isandes: pois é... mas quando as mulheres são assim, eles gostam, mas não lhes ligam nenhuma. Quando não queremos saber, andam atrás de nós que nem cachorrinhos. Não há pachorra!!!

bono_poetry disse...

Olha esta tem direito a bolinha vermelha...
Mulheres deste mundo,vcs sao a inclinacao que o homem quer ter,nos homens temos a nocao que vcs nos querem a toda a hora,(ora para passar o cartaozinho,ora pra vos acompanhar nas compras...hehehe,esta era para rir...)
lol..parafraseando uma frase minha,

Mais vale dar que nao ter...

Digo isto ,por te achar diferente e uma menina especial deves ter sempre a nocao que sexo e muita bom quando te atrapalha respirares so de pensares nele,o sexo e bom quando paras o transito para teres a certeza que o apanhas ,eu quando falo de sexo e do verdadeiramente bom,pois tambem ha e muito do bera...porque como deves imaginar o sexo mau tambem e feito a dois,lol...sou de boas propostas e sempre tive sorte,mas e muito importante saberes o que queres sentir,se te toca a mao,se te toca parte do corpo,se te apetece sentir as maos ou os dedos,se os labios os queres sentir na boca ou por todo o corpo,se as cocegas sao parte do jogo de seducao,se te deitares e esperares por uma noite de sexo louco,vais ter que ter muita sorte,nao te deites senta-te,sente o olhar,toca-lhe o rosto,agora chega a parte em que te perguntas...mas estas a escrever-me como fazer sexo?nop..estou a dizer-te que o homem e um amante de quilate e que eu saiba ainda e deles que gostas,nop?ve la se atinas a falar dos homens,hein?

ianita disse...

Bono: Por incrível que pareça, estou contigo.

Não terá propriamente que ver com homens e mulheres, mas mais com fases de evolução... há muitos homens que nunca crescem... que continuam os mesmos meninos que no Liceu comparavam os tamanhos dos pénis. E há muitas mulheres que lhes alimentam o ego porque nem sequer sabem ser diferentes disso... e que se contentam com o pouco que eles lhes dão.

E sim, o sexo é bom quando feito a dois, por inteiro. Ou seja, uma união de corpos e de almas. Nem que seja naquele momento... quando a união é só de corpos, não é tão bom... ou quando a união é só de almas e o desejo não mora lá...

Mas isto de estar inteiro e encontrar alguém que esteja também não é fácil.

One tries :)

Kisses