25 de junho de 2010

Para rir

Hoje de manhã, recebi o seguinte e-mail:

"Assunto: Jogo de Portugal - Hora de Almoço

Caros colegas,

Por indicação da Administração quem pretender ver o Jogo de Portugal pode alterar a hora de almoço para as 15h, ou seja, das 15h às 16h. Lembramos que quem tem marcação no refeitório, e altere a hora de almoço, deverá cancelar a refeição no máximo até às 10h15.

Obrigada."

No seguimento desta boa notícia, por volta das 13:45, andava o patrão pelo escritório e resolve meter-se com uma colega que também tinha adiado a hora de almoço para ver o início do jogo. Pergunta-lhe se não tem fome, se aguenta até às 15h. Entretanto eu saio do gabinete de direcção de obra para ir à sala de reuniões e só ouço:

- Esta (dirigindo-se a mim) é que não precisa de almoçar! Anda sempre a comer!

O sr. patrão no seu melhor... no outro dia passou por mim nas escadas e deu-me uma palmadinha na face, seguiu caminho, mas não sem antes dizer:

- Tens a cara fofinha! (lol)

(o sr. patrão anda desatento, porque eu NÃO ando sempre a comer e até estou bastante mais magra. Embora, reconheço, continue gorda e possa muito bem passar sem almoçar! lol!)

4 comentários:

aryabodhisattva disse...

Isso por acaso eram comentários que não me caíam bem. Nunca. Por muito galhofeiro que fosse o ambiente, ou de aviso pseudo-amigável (sim, porque nunca nos vimos num espelho, precisamos mesmo daquela chamada de atenção alheia, certo?)
O que vale é que depois, se for preciso, com os anos engordaram por causa disto e daquilo, o que nos dá a oportunidade de retribuir com pérolas tais como...

"é só comeres menos."
"tu é que não tens força de vontade."
"era fácil se tentasses."
"isso deve ser de comer porcarias."

E essas pessoas agora ficam caladinhas, caladinhas. Agora vêem, é "simples" perder peso. É não é?! Ah pois claro então não sim.

ianita disse...

Arya: há pessoas a quem respondo mal... tipo o meu pai, que vê bem o (pouco) que eu como e que às vezes me brinda com umas pérolas nada bem-intencionadas... mas este estava na brincadeira e prefiro-o galhofeiro do que aos berros.

O que me parece, no fim de contas, é que quem faz este tipo de comentários é triste e tem falta de auto-confiança. E a melhor resposta é um sorriso. :)

Há pessoas a quem explico que tenho um problema de saúde... a outras nem me dou ao trabalho. Pensem o que quiserem. Eu já aceitei o que me aconteceu e estou em paz comigo e com a minha consciência. A culpa não é minha :)

Além do mais, prefiro ser gorda feliz a ser magra com a mania que é gorda, que essas pessoas sim metem impressão!! Tenho colegas de trabalho com 50kg e a tomarem comprimidos para emagrecerem!! Ridículo!

TM disse...

Esse teu patrão é um achado.... pena é não ser um bom achado...

ianita disse...

TM: não é nada bom achado! Mas ainda bem, porque no que toca a trabalho, não gosto de misturas :)